Edições Anteriores

  • Arte(factos) e Expedientes Históricos
    N.º 8 (2022)

    Os textos aqui reunidos trazem em comum um quesito fundamental, que consiste em estimular o diálogo entre a literatura, a história e outras artes. Dado o caráter interdisciplinar deles, o leitor perceberá que os artigos discorrem sobre códigos artísticos; discutem conceitos; resgatam expedientes retóricos e poéticos; problematizam os géneros literários e iconográficos, etc., sem negligenciar as subtilezas políticas, teológicas, estilísticas e institucionais subjacentes à receção crítica do que se produziu em outros tempos e lugares.

  • Literatura, Artes e Hipertexto na Web
    N.º 7 (2021)

    O número 7 da e-Letras Com Vida consolida a sua abertura hermenêutica às perspetivas do emergente campo epistemológico dos Estudos Globais, situando a abordagem dos estudos publicados no contexto das dinâmicas globais que torna mais transparente a complexa teia de influências que marcam os objetos de pesquisa e análise. Os conteúdos deste número são sobremaneira melhor entendidos se enquadrados nas dinâmicas, nos desafios e nas implicações de tendências compreendidas num horizonte mais amplo da construção de um saber sobre o mundo e do mundo que passa a saber cada vez mais como uma realidade porosa e inter-influente, que modela a construção seja da história, da literatura, dos fenómenos sociais, das correntes de conhecimento e até dos modos de criação e transmissão cultural.

  • Repensar a História da Assistência e Saúde em Portugal (séculos XII-XX)
    N.º 6 (2021)

    O sexto número da e-Letras com Vida traz como dossiê temático o fascinante estudo (sobretudo em tempos de pandemia) sobre saúde e assistência em Portugal, desde a Idade Média ao século xx, sob a coordenação dos historiadores Joana Balsa de Pinho e Paulo Drumond Braga. Com os seus artigos multitemáticos, a habitual entrevista internacional e as leituras críticas, este é um número diversificado que compagina o passado e a atualidade com alguma prospetiva, fazendo jus à redefinição do subtítulo desta revista: Revista de Estudos Globais – Humanidades, Ciências e Artes Com esta redefinição, pretende-se alargar o âmbito da revista, tornando-a mais interdisciplinar, e dotando-a, a partir do diálogo estreito com as diferentes áreas do saber, de novas abordagens enquadradas na área emergente dos Estudos Globais – dando corpo à parceria com a Cátedra de Estudos Globais e com o Doutoramento em Estudos Globais, da Universidade Aberta.

  • História, Literatura e Cozinha
    N.º 5 (2020)

    O quinto número de e-Letras com Vida traz o dossiê temático sobre «História, Literatura e Cozinha» coordenado por Isabel Drumond Braga. Os leitores irão virtualmente sentar-se à mesa com autores portugueses e brasileiros de modo a fazer uma viagem pela história e estória. Os comensais-leitores poderão saborear — isto é, ler — a culinária que é mote de socialização no século XVI na peça de António Ribeiro Chiado (Auto das regateiras) e no texto do humanista André de Resende (De Antiquitatibus Lusitaniae), que serão «servidos» por Guida Cândido e Inês de Ornellas e Castro, respetivamente. Pelas mãos de Isabel Drumond Braga, maître deste dossiê, viajarão à mesa oitocentista de portugueses e brasileiros amantes do bacalhau e da sardinha, acompanhados ainda por Camilo Castelo Branco(O santo da montanha) preparado por Maria Antonietta Rossi. Sem cerimónia, sentar-se-ão à mesa de Gervásio Lobato (Lisboa em camisa) a convite de Paulo Drumond Braga. No século xx, poderão participar n’O banquete modernista de Mário de Andrade, oferecido por Claude Papavero, e, de sobremesa, haverá fruta do pomar poético de Sophia de Mello Breyner Andresen, colhida por Maria Serena Felici.

  • Portugueses de Papel, um projeto internacional de investigação
    N.º 4 (2020)

    O quarto número da e-Letras com Vida marca o segundo ano da revista. Neste momento de balanço global em que a economia, a comunidade e a saúde são postas em cheque, perguntar para onde vamos (ou onde vamos parar?) não é necessariamente coisa filosófica. Mais ainda, ficção e realidade por vezes parecem se confundir — e confundir-nos a nós, personagens em perigo num mundo contaminado. Uma grande aventura, esta que vivemos.

  • Dez Faces de Sena: Pistas para uma travessia pela obra de Jorge de Sena, a assinalar o centenário do seu nascimento
    N.º 3 (2019)

    O presente número traz um dossiê que não podia deixar de aparecer neste ano, em que mundialmente celebramos o centenário de Jorge de Sena. Mundialmente, dizemos, por sua presençaa artística irrevogável no campo dos estudos literários e também pelo facto de ter o conhecido poeta, crítico, escritor, professor, pai de nove filhos e marido apaixonado feito carreira, ou ainda carreiras, em Portugal, no Brasil e nos Estados Unidos.

  • A Receção das Literaturas de Língua Portuguesa nos Países da Europa Central e de Leste
    N.º 2 (2019)

    Eis-nos no segundo número da e-Letras com Vida — Revista de Humanidades e Artes. Apresentamos uma coleção de ensaios que procura veicular, com uma grande diversidade de perspetivas, temas colhidos, em especial, no diálogo de culturas e de estéticas, em tempo de globalização e de fluidez dos saberes, das práticas e das identidades.

  • Pensamento do Fora & Poéticas de Resistência
    N.º 1 (2018)

    Este é o primeiro número de e-Letras com Vida — Revista de Humanidades e Artes, de carácter essencialmente ensaístico. A revista propõe-se a apresentar neste e nos seguintes números uma diversidade de pontos de vista, incluindo textos de investigação e de leituras críticas que lidam com a questão dos países de língua oficial portuguesa no contexto global. A e-Letras com Vida quer juntar-se ao plano das edições que reúnem pensadores de todo o mundo com vista a responder à atual necessidade de reunião de ideias entre um cá e um lá, que muitas vezes se encontram num aqui presente, que, globalizado, precisa desafiar fronteiras e ultrapassar muros, ou pular cercas vigiadas por milícias.