Uma polémica na história da Inquisição do século XVI

o caso João de Bolés

  • Paulo de Assunção CLEPUL, Faculdade de Letras, Universidade de Lisboa
Palavras-chave: João de Bolés, protestantismo, calvinismo, França Antártica

Resumo

Jean de Cointac (conhecido como João de Bolés) teria nascido em Bolês, na diocese de Saintes, na região de Champagne, filho de uma família nobre, que cuidou dos seus estudos, tendo frequentado a Universidade de Sorbonne. Juntou-se ao grupo de franceses que invadiu o Brasil, em 1557, com o intuito de cuidar dos aspetos legais da nova colônia nas terras tropicais. Após os conflitos entre huguenotes e Villegagnon, Bolés teria deixado o forte para dar seguimento à sua trajetória pessoal. Este artigo visa abordar o caso de João de Bolés, que participou da expulsão dos franceses do litoral brasileiro e foi julgado pelo Tribunal da Inquisição em Portugal, sendo absolvido em 12 de agosto de 1564.

Publicado
2018-12-14