Considerações sobre o gênero da primeira parte do «Compêndio Narrativo do Peregrino da América» (1728)

Autores

Palavras-chave:

Século XVIII, Peregrino da América, gênero retórico-poético, história fingida

Resumo

Este trabalho discute o gênero da primeira parte do Compêndio Narrativo do Peregrino da América (1728), de Nuno Marques Pereira. Com base nos indícios que se encontram nessa obra de ficção em prosa do século xviii, propõe-se que ela consiste em uma «história fingida», conforme a concepção desse gênero de história que se esboça no diálogo i de Corte na Aldeia (1619), de Francisco Rodrigues Lobo. Não tendo a pretensão de definir tal gênero (ou espécie), este artigo apresenta considerações que visam a contribuir para uma leitura crítica do Peregrino da América adequada às letras portuguesas e luso-brasileiras da primeira metade do Setecentos.

Downloads

Publicado

30-06-2022